SÃO MIGUEL EM ALTA

SÃO MIGUEL EM ALTA

quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Robinson pede empréstimo a bancos para pagar servidores em dia



O governo aprofundou tratativas com bancos públicos para viabilizar recursos para a recuperação financeira do Rio Grande do Norte. Em Brasília, o governador Robinson Faria, e o secretário de Estado da Gestão de Projetos, Vagner Araújo, estiveram reunidos nesta terça-feira (1º) com dirigentes do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal.

Em audiência com os presidentes do Banco do Brasil, Paulo Rogério Caffarelli, e da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occhi, o governador negociou um conjunto de operações que poderão equacionar a situação financeira do RN. O encontro também contou com a participação do deputado federal Fábio Faria.

As frentes desenvolvidas pelo chefe do Executivo Estadual são de operações de crédito junto a Caixa Econômica e Banco do Brasil, Tesouro Nacional e ressarcimentos de recursos. A estimativa é que um valor entre R$ 600 milhões e R$ 800 milhões seja liberado com prazo de amortização de até 10 anos. O montante será aplicado na reequilíbrio das contas, etapa necessária para regularização da folha de salários.

A expectativa é de que os valores se juntem ao esforço de arrecadação própria para cobrir o déficit do orçamento estadual. “Essas e outras iniciativas que estamos adotando, demonstram que o governo tem um plano para resolver a situação financeira do estado. Essa é a prioridade absoluta do estado que conta com meu empenho pessoal. Não descansaremos enquanto não atingirmos esse objetivo”, reforçou o governador.

O secretário Vagner Araújo falou que foi positivo o balanço das reuniões. “O governo trabalha em regime de mutirão com toda a equipe de secretários mobilizados para os preparativos dessas operações. Inclusive, já na quinta-feira, 3, o secretário de Planejamento do RN vem a Brasília para uma reunião técnica na Caixa Econômica para, em até 45 dias tentar concluir uma primeira operação que já vai desafogar o Estado”, disse.

Portal no Ar