SÃO MIGUEL EM ALTA

SÃO MIGUEL EM ALTA

sábado, 31 de outubro de 2015

Após 72 horas, médico e ex prefeito potiguar sofre segundo acidente de carro na BR 427

tyk76ew
O que parecia inacreditável, de fato, aconteceu. Três dias depois de sofrer um acidente de carro, o médico seridoense Elísio Galvão, desta vez, capotou na manhã desta sexta-feira (30) em seu Ford Fiesta de cor prata, e placas OJV 7814, na BR 427, entre as cidades de Caicó e Serra Negra do Norte.
 Segundo informações do blog Focoelho, a vítima está sendo atendida na UTI do Hospital Regional do Seridó, mas deverá ser transferido para Natal, após suspeita de traumatismo craniano.
 Esse é o segundo acidente envolvendo o médico nesta semana. O primeiro acidente foi na terça feira passada, onde o médico e ex-prefeito de São João do Sabugi perdeu o controle, também na BR-427, sentido Serra Negra do Norte.  Ele estava no mesmo veículo.



e56ie65i




Fonte: Focoelho

PM age rápido e prende jovem após ferir outro com golpe de faca em Major Sales/RN

Major Sales (RN) – Segundo informações na noite desta sexta-feira (30), um desentendimento entre dois jovens acabou com um esfaqueado em Major Sales, município situado na região do alto oeste potiguar. 

Segundo informações a ocorrência foi registrada no Bairro Bela Vista, por volta das 20h. Os motivos ainda são desconhecidos. A vitima identificada como sendo a pessoa de "Val, filho de Antônio Léo", foi atingida com uma cutilada no abdômen, sendo socorrida e passa bem. 

Populares acionaram a policia que ao chegar o local ainda encontrou o acusado identificado como sendo a pessoa de "Zé, filho de Maria das Graças", o qual foi conduzido pelos policiais a Delegacia Regional de Pau dos Ferros/RN, para os procedimentos legais.
*Subtenente Andrade

HOJE TEM A FINAL DA COPA REGIONAL TEREZA PINHEIRO DE FUTSAL FEMININO




Acontece hoje 31 ás 19hs no Ginásio de poliesportivo Do Torquatão a final da Copa Regional Tereza Pinheiro de Futsal Feminino, entre PSFC da cidade de Ererê/CE e F&F Lotérica da Cidade de Antônio Martins/RN, antes da final ás 18:30 tem um amistoso sub-15 entre os Craques do Alto e F&F Lotérica. 

Realização prefeitura municipal de São Miguel, através da Secretaria Municipal de Educação e Departamento de Esporte. Cobertura do blog São Miguel em Alta.

sexta-feira, 30 de outubro de 2015

Governo do RN abre concurso para 1400 professores e especialistas em Educação



A Secretaria de Estado da Administração e dos Recursos Humanos (Searh) torna pública a realização de Concurso Público para 1400 vagas de Professor e Especialista em Educação, para nomeação imediata e formação de cadastro reserva do quadro de pessoal da Secretaria de Estado da Educação e da Cultura (SEEC). O Edital nº01/2015-SEARH-SEEC foi publicado na edição desta sexta-feira (30) do Diário Oficial do Rio Grande do Norte, disponível em http://www.diariooficial.rn.gov.br.

As oportunidades são para, além de especialista em Educação, professor das seguintes disciplinas: Arte; Arte – Música; Ciências Biológicas; Educação Física; Filosofia; Física; Geografia; História; Língua Espanhola; Língua Inglesa; Língua Portuguesa; Matemática; Pedagogia - Anos Iniciais; Libras- Ed. Especial- intérprete/tradutor; Libras- Ed. Especial- professor; Pedagogia - Ed. Especial; Química; Ensino Religioso; e Sociologia.

O concurso será realizado sob a responsabilidade do Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional (Idecan) e consistirá de duas etapas: provas objetivas de múltipla escolha de caráter eliminatório e classificatório; e avaliação de títulos de caráter apenas classificatório.

As inscrições poderão ser realizadas via internet a partir das 14h do dia 9 de novembro até às 23h59min do dia 7 de dezembro de 2015, no site www.idecan.org.br; ou presencialmente. As inscrições presenciais serão realizadas nas centrais de atendimento aos candidatos do Idecan, a serem instaladas nas cidades de Natal, Mossoró e Caicó, em endereços que serão divulgados por meio de comunicado até o início das inscrições, no período entre 9 de novembro e 7 de dezembro de 2015, das 8 às 17h. A taxa será de R$65,00.

As provas serão realizadas simultaneamente nas cidades de: Natal, Parnamirim, Nova Cruz, São Paulo do Potengi, Ceará-Mirim, Macau, Santa Cruz, Angicos, Currais Novos, Caicó, Assu, Mossoró, Apodi, Umarizal, Pau dos Ferros e João Câmara, com data prevista para o dia 10 de janeiro de 2016.

A seleção dos candidatos constará de pontuação obtida nas provas e na avaliação de títulos. O prazo de validade desse concurso será de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período.

ASCOM/SEARH

Quase metade dos deputados defende renúncia de Cunha, diz Datafolha

Pesquisa Datafolha feita com 324 deputados mostra que quase metade dos entrevistados (45%) entende que o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), deveria renunciar ao cargo. Para 25%, ele deve permanecer. E 30% não se posicionaram sobre essa possibilidade.

O peemedebista é investigado na Operação Lava Jato, acusado de manter contas secretas no exterior com dinheiro proveniente de corrupção –o que ele nega. Em público, Cunha repete que nem cogita a possibilidade de renúncia.

O cuidado dos deputados em relação ao tema fica evidente quando eles são confrontados com a hipótese de ter de votar pela cassação de Cunha. Mais da metade (52%) não se posicionou nessa questão. Pouco mais de um terço (35%) disse que votaria a favor da cassação do peemedebista. E 13% votariam conta.

O levantamento, que ouviu 63% dos deputados, foi feito entre 19 e 28 de outubro.

IMPEACHMENT DE DILMA
O Datafolha também investigou as opiniões de deputados e senadores a respeito da possibilidade de um processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff.

Os resultados sugerem que nem a oposição nem o governo teriam garantidos os votos necessários para decidir a abertura de um processo de afastamento da petista se a questão fosse levada ao plenário da Câmara.

Entre os deputados que aceitaram participar da consulta, 39% disseram que votarão a favor da abertura do processo se a questão for levada ao plenário da Câmara.

Outros 32% afirmaram que votarão contra. E 29% dos consultados não se posicionaram nessa questão. Preferiram não responder ou disseram que não tinham posição formada sobre o tema.

Conforme a legislação, cabe à Câmara decidir a respeito da abertura de um processo desse tipo. Para que o assunto seja levado ao plenário, Cunha precisa admitir um dos pedidos entregues a ele, e uma comissão, montada especialmente para isso, precisa dar aval ao pedido.

No plenário, para que o processo de impeachment seja então aberto, são necessários os votos de 342 dos 513 deputados (só o presidente não vota). Aberto o processo, o presidente da República é afastado do cargo. O processo em si e a votação final a respeito do afastamento definitivo cabem aos senadores.

Como Dilma não precisa da maioria para impedir a abertura do processo, o resultado da pesquisa sugere que ela está mais perto do objetivo de se manter no cargo do que a oposição do objetivo de promover o afastamento.

No Senado, onde foram ouvidos 51 senadores, o balanço também é mais favorável à petista. O maior grupo (43%) disse que vota contra o afastamento definitivo, caso a Câmara abra um processo de impeachment. Os que prometeram votar a favor somam 37%. E 20% dos senadores não se posicionaram.

LIMITAÇÕES
Devido às características do Congresso, a pesquisa tem limitações que não existem num levantamento de opinião pública convencional.

A principal é em relação ao número grande de parlamentares que não aceitam participar da consulta. Todos os congressistas foram procurados pelo instituto, mas 37% não quiseram participar ou não foram encontrados.

Além disso, muitos não se posicionaram em determinadas questões, mesmo aceitando participar da pesquisa.

"Há um número significativo de parlamentares escondendo o jogo", diz Mauro Paulino, diretor-geral do Datafolha. "Os resultados finais indicam tendências gerais, mas não são representativos do total do Congresso", completa.

Fonte: Folha.com

quinta-feira, 29 de outubro de 2015

Polícia Civil empossa 40 delegados no Rio Grande do Norte



A Polícia Civil do Rio Grande do Norte, em cerimônia realizada na manhã desta quarta-feira (28), nas instalações da Academia de Polícia Civil (Acadepol), empossou 40 delegados de Polícia Civil. Os novos delegados, que foram aprovados no último concurso realizado pela instituição, irão atuar distribuídos entre capital e interior do Estado. 

Na abertura da cerimônia, o delegado geral do Polícia Civil, Stenio Pimentel, agradeceu a todos os colaboradores envolvidos na formação dos delegados e reforçou as boas vindas aos novos integrantes da Polícia Civil. “Precisamos que os senhores iniciem sua atuação com a disposição para defender nossa instituição e antes de tudo o Rio Grande Norte. Temos a certeza que todos serão capazes de exercer plenamente suas funções, com dedicação, afinco e zelo, nesta tão árdua e gratificante missão que é ser delegado”, ressaltou o delegado geral.

Estiveram também presentes: o delegado geral adjunto de Polícia Civil, Adson Kepler; o diretor de Polícia Civil da Grande Natal (DPGRAN), o delegado Júlio Rocha; o diretor de Polícia Civil do Interior (DPCIN), delegado Cleiton Pinho; o Diretor Administrativo de Polícia Civil, delegado Gustavo Santana; o Diretor de Planejamento e Finanças, delegado Christian Cirino de Medeiros; o Diretor do Setor de Recursos Humanos da Polícia Civil, o delegado Olavo Ferreira Chaves Filho; o diretor da Academia de Polícia Civil (Acadepol), delegado Correia Júnior; a diretora de ensino da Acadepol, delegada Maria do Carmo Alves; a Diretora da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR), delegada Sheila Freitas; e a presidente da Associação dos Delegados de Polícia Civil do RN (ADEPOL- RN), delegada Ana Claudia Saraiva Gomes.

"Este momento de posse, também é tempo de agradecer a todos os profissionais que colaboraram para a formação dos novos delegados. A nossa Acadepol não mediu esforços para formar delegados de excelência. Portanto, fica aqui a nossa gratidão e a certeza de que o nosso Estado vai receber delegados e delegadas que foram preparados com afinco para honrar o  nome da Polícia Civil”, frisou o diretor da Acadepol, delegado Correia Júnior.

Na ocasião, os três delegados que obtiveram as melhores notas no curso de Formação da ACADEPOL receberam certificados e distintivos da Polícia Civil do RN. Foram eles: o delegado Júlio Cesar Batista, que atuará como delegado adjunto da 1ª Delegacia de Polícia de Parnamirim; o delegado René Souza Lopes, que atuará na delegacia de Nísia Floresta; e a delegada Milena Fonseca, que atuará como delegada adjunta de Delegacia Especializada em Defesa da Propriedade de Veículos e Cargas.

SESED/ASSECOM